o-poder-da-persuasao

Atualmente, em todo comércio existente, existe um certo esforço do vendedor para convencer seus clientes que seu produto é bom o bastante e muitos destes vendedores, fazem de tudo para que suas opiniões sejam levadas a sério. Acontece que, nem sempre, a maneira que adotam para expor seu produto, é a correta.

Para que o mesmo consiga conquistar o cliente, além de o produto ser bom, ter preço melhor ou simplesmente ser da necessidade do cliente, é necessário que sejam adotadas também, algumas técnicas persuasivas. Isto porque, o cliente tem de estar convencido de que foi feita uma boa aquisição do produto ou negociação e que o fornecedor é de confiança.

Para isso, vamos listar abaixo, algumas das técnicas de persuasão utilizadas por algumas empresas. Embora seja muitas vezes vista como uma arte, a Persuasão tem muito de científico. Extensa investigação sobre o tema demonstrou que funcionam de uma forma quase universal.

Ter conhecimento do negócio: deve-se conhecer muito bem aquilo que está tentando vender ou negociar para que possa sempre passar confiança para o cliente. Demonstrar que domina sobre o assunto, normalmente atrai a atenção da outra parte.

Saber comunicar: é fundamental que se tenha uma boa comunicação, de boa gramática, sem gírias e ter bons argumentos. Seja na escrita quanto presencial.

Ser persistente: normalmente se houve que as melhores negociações, foram as mais difíceis de serem concretizadas. Não se deve desistir no primeiro “não”, do contrário, ficarão no meio do caminho, junto com outros que não tiveram coragem de prosseguir.

Cuidar da imagem: temos três tipos de imagem para nos preocupar, visual, verbal e vocal. A visual, sem dúvida é a mais importante, pois, é o primeiro quesito que as pessoas enxergam (maneira de apresentarmos, ambiente, políticas adotas etc.). Quanto a verbal, devemos ter consciência de que, saber se expressar,  vai lhe ajudar a construir sentenças e analogias que tornarão seus argumentos mais interessantes. Já com relação ao vocal, é o entusiasmo que sua voz transmite.

Mostrar os benefícios: quanto mais benefícios conseguir mostrar ao cliente ou a outra parte, mais confiança vai adquirir do mesmo. Basta imaginar que estivesse da outra parte e o que gostaria de ouvir ou se beneficiar.

Motive sempre: crie metas e premiações para objetivos alcançados. Lidere por exemplos e não somente por palavras . . . misture-se aos demais da equipe, conviva com os mesmos e sirva de inspiração.

Procure visibilidade: às vezes, é necessário tomar novos ares, conhecer novas pessoas, principalmente as que se relacionam com seu ramo de atividade. Faça visitas a clientes, fornecedores, concorrentes, agências financiadoras e deixe seu marketing empresarial.

Mostre credibilidade: jamais faça promessas que não possa cumpri-las. Antecipe suas entregas, surpreenda seus cliente e sempre mostre sobre o cumprimento de sua parte.

Não converse além da conta: quando conseguir seu objetivo, mude o assunto ou finalize a negociação. Não fique remoendo a negociação já concretizada. Para o influenciador, ter paciência e humildade para permanecer calado, é uma arma essencial em seu arsenal.

Escrito Por : Marco Zanqueta palestrante motivacional há 9 anos. Dedica seus conhecimentos da arte de falar em público, com seu know how de ator e mágico profissional há 21 anos para criar suas palestras motivacionais com mágica de um jeito moderno e pensando sempre em trazer resultados. Saiba mais em: Palestra Mágica